O Poder da Consciência

Vitória da Samotrácia

Conectar-se consigo mesmo, à mais íntima, profunda e essencial substância da própria Identidade, ativa a dimensão espiritual da vida.

No atual estágio de desenvolvimento da nossa consciência, ainda precisamos de muitos recursos para criar e sustentar um estado mais desperto e genuinamente humano. Oscilamos entre as instâncias mais primitivas do ego e as mais refinadas do Self.

O “pós pandemia”ainda é muito recente e será preciso um tempo para avaliarmos com precisão os efeitos dessa crise para a evolução da consciência sobre nós mesmos, sobre o outro, sobre a Terra.            

Todavia, experimentamos, em menor ou maior escala, uma espécie de torpor que distorce a percepção para o que somos, o que éramos e o que poderemos vir a ser. Passamos a fase aguda do trauma, mas ainda apresentamos reações e transtornos da síndrome pós-traumática.

Grandes humanistas, na Ciência, na Arte e na Filosofia, representam um providencial farol que pode iluminar nosso caminho.

Para o psicólogo croata Mihaly Csikszentmihalyi, autor da teoria do flow (fluxo), o significado da vida para uma pessoa, é qualquer coisa que seja significante para ela. Neste estado anímico, ela se sente totalmente presente, envolvida com prazer e foco no que está realizando e com a sensação de ser parte de uma entidade maior.

Na atual Conferência da ONU sobre mudanças climáticas, a Cop 26, assistimos ao empenho por acordos que visam reverter os danos ambientais que a civilização causou ao planeta. A Terra é um organismo vivo e assim como nós, em processo, nada está finalizado ainda ou fadado a colapsar, mas urge uma tomada de consciência coletiva.

No alto de uma escadaria, no museu do Louvre, encontra-se em destaque uma magnífica escultura, obra-prima que captura a atenção por sua beleza e carisma. Construída em uma época de transição entre civilizações, ela é o corpo de uma mulher alada, cheia de ímpeto.          

Para que hoje possamos todos admirá-la, fez-se necessário que o arqueólogo que a encontrou em pedaços, em um santuário na Samotrácia, empreendesse diligentemente a sua reconstrução.

Precisamos ancorar nossa consciência plena na restauração da vida.            

Eliane Utescher

Psicóloga  /  Terapeuta Biográfica

05/11/2021

Published in: on 10/02/2022 at 7:30 p02  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://elianeutescher.com/2022/02/10/o-poder-da-consciencia/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: